BLOG

Inicio > Nutrição > Como é feita a massa? Descubra o seu processo de fabrico

Como é feita a massa? Descubra o seu processo de fabrico

Sabia que a origem da massa tem milhares de anos? Sim, há milhares de anos que as pessoas apreciam pratos de massa nas suas refeições. Mas já alguma vez se perguntou como é que a massa é feita? Neste artigo, explicamos-lhe todo o processo de produção de massa.

Onde se fabrica a massa?

Regra geral, o local de fabrico da massa é designado por “obrador“. Trata-se de uma espécie de fábrica especializada na preparação, acondicionamento e produção deste alimento, mas sempre numa ótica tradicional. 

E isto é algo que sabemos muito bem, porque em La Mafia sienta a la mesa temos o nosso próprio obrador de massas situado na localidade de San Mateo de Gállego (Saragoça). Aqui fabricamos massa fresca e seca, massa de pizza, lasanha, canelones, pastelaria e até alguns dos molhos que acompanham a nossa massa. 

Assim, não somos apenas chefes de cozinha italiana, mas também fabricantes de massas. Mas só as entregamos nos nossos restaurantes.

Uma das massas que fazemos no nosso atelier: Lasanha 5 camadas mar e floresta com aroma a tomilho.

Como se fabrica a massa? Processo de produção passo a passo

Quer saber como é feita a massa? Este é o processo passo a passo de como a massa é feita: do campo ao seu prato. 

1. Colheita de sementes de trigo duro

Antes de mais, para poder comer massa à noite ou durante o dia, é necessário obter os grãos de trigo. Para isso, é claro, devem ser colhidos diretamente do campo.

2. Do trigo a sêmola de trigo

O segundo passo para qualquer fabricante de massas é lavar bem o trigo duro e passá-lo pelo moinho. A razão? Tem de ser transformado em sêmola (uma espécie de farinha grossa).

A moagem consiste em separar as partes do trigo que não nos interessam e moer as partes de que necessitamos para preparar a sêmola. Atualmente, os sistemas de moagem são muito inovadores, permitindo um resultado de alta qualidade.

3. Mistura e extrusão

Nesta etapa, a sêmola é transformada numa pasta. Para isso, tem de ser misturada com água e outros ingredientes naturais (como o ovo, o tomate, o queijo, a tinta…), consoante o tipo de massa.

Outra das nossas massas, confeccionadas no atelier: Quadrato de perdiz em molho de boletos e trufas.

A mistura resultante é então amassada e o processo de extrusão é efectuado.

E para mais informações, se quiser saber quanta massa comer por semana, deixamo-lo com este post informativo.

4. Moldagem 

Já alguma vez se interrogou sobre como são feitos os diferentes tipos de massa italiana? Pois bem, numa fábrica de massas existem 2 processos para as moldar: moldar e enrolar. No primeiro grupo, encontramos exemplos como a lasanha, o canelone… Enquanto no segundo grupo, a moldagem, podemos distinguir 2 grandes subgrupos de massas moldadas:

  • Massas longas: É o caso do esparguete, do tagliatelle, etc.
  • Massas cortadas: Macarrão, lumaconi, rigatone…

No obrador La Mafia se sienta a la mesa, fazemos todo o tipo de massas: tagliatelle, ravioli, giganti, mafaldi, casarecce, penne, esparguete… Até temos massas sem glúten! Para além disso, pode combinar com todo o tipo de molhos, adaptáveis a todos os gostos (como a massa sem queijo). 

5. Processo de secagem

O processo de secagem das massas deve ser muito bem controlado, uma vez que um mau processo de secagem altera a própria massa e a sua conservação.

Para começar, é necessário distinguir entre massa seca e massa fresca. Se for um produto fresco, a sua vida útil será muito mais curta e terá de ser refrigerada e consumida após alguns dias.

No caso das massas secas, é de notar que o processo de secagem varia consoante o tipo de massa. Por exemplo, as massas curtas, como o macarrão, devem ser secas lentamente em secadores rotativos para eliminar toda a umidade. Por outro lado, as massas longas, como o tagliatelle, devem ser penduradas em varas e secas verticalmente.

Não perca o nosso delicioso Pici al ragù de carne de cervo.

6. Embalagem e entrega nos nossos restaurantes

Finalmente, após a secagem, a pasta é arrefecida. Em seguida, é armazenada e embalada, e já está! Transportamo-la do obrador para cada um dos nossos restaurantes La Mafia para que a possa saborear

Porque no La Mafia se sienta a la mesa colocamos a qualidade em primeiro lugar. Para além dos ingredientes com Denominação de Origem Italiana, fabricamos a nossa própria massa. Visite um dos nossos restaurantes e descubra todo o seu sabor!